segunda-feira, julho 30, 2007

Eu e a minha irmã

Desfazendo uma dúvida da amiga Maria João que surgiu num comentário a um post da minha irmã aqui vai o esclarecimento. Quando eu nasci a minha irmã tinha 3 anos e 7 meses, por isso é a minha mana mais velha. Foi ela que me ensinou a andar, foi ela que me mudou muitas fraldas, foi ela que foi comigo no meu o primeiro dia à escola primária, foi ela que me recebeu no ciclo e na universidade. Foi com ela que vivi muitos anos da minha vida, visto que ela decidiu sair de casa para ir viver com o meu querido cunhado Didu. Eu e a minha irmã sempre fomos muito unidas, apesar das turras que foram mais evidentes quando eu tinha 9/10 anos e ela 12/13 anos... foi quando ela se tornou adolescente e eu queria saber de tudo...Era uma cusca eu...Depois foi a fase de ela querer sair e os meus pais só deixarem se eu fosse...e que paciencia levar a pita atrás...Depois, aos 15 anos começei a namorar.... foi a minha fase... eu so podia sair com o meu Fernando se a minha irmã fosse...isso é que me irritava, porque ela não era muito de acordo que eu namorasse... e não dava grande futuro ao meu namoro...depois, como é obvio teve que dar a mão à palmatória e já lá vão quase 7 anos. Foi só depois que ela conheceu o meu cunhado que era amigo do meu namorado...Ela casou e eu continuo solteira...eh eh. Depois de termos passado a fase critica, eu cresci, acho que saltei uns anos a adolescência e passei para a fase adulta, sempre fui muito ponderada em todas as decisões que tomo apesar de me jogar de cabeça naquilo que queroe sei dizer não sempre que seja preciso, conservo este ar eterno de menina...sim, porque ninguém me dá 22 anos...sempre menos... quero ver se daqui a 10 anos me continuam a dar 18 anos :) e sempre fui mais extrovertida. A minha irmã sempre foi mais sossegada que eu...e quando a za fazia asneira sobrava sempre para ela...Acredito que hoje em dia possa ser mais beneficiada em certos e determinados aspectos que ela, mas eu continuo na casa dos pais e ela já não... enquanto ela esteve a estudar em faro eu é que estava sempre lá junto aos meus pais...quando eu fui para faro, um ano depois ela saiu de casa...Mas nunca, nunca falhei um fim de semana em casa...Agora neste momento que estou prestes a conseguir casa, penso que os meus pais vão deixar de ter a casula em casa...penso que eles que estão habituados a ver-me entrar todos os dias bem disposta quando saio do trabalho ou de fininho quando chego tarde vai-lhes custar...
Esta foto em que estou com a minha irmã foi tirada em 2003 no casamento da cunhada dela... Hoje eu tenho 22 anos e ela 26 anos..Mas só tenho uma coisa muito especial a dizer...Estou muito feliz e lisonjeada por fazer parte da vida dela há quase 23 anos...Obrigada por tudo mana!

7 comentários:

tita disse...

Muito obrigada mana pelo elogio. Sinto me muito feliz por estares a conseguir tudo o que ambicionas. Estarei sempre ao teu lado nos bons e maus momentos. Faças o que fizeres o importante para mim é que sejas feliz.

Anónimo disse...

Oh, foi msm giro esse post dedicado a tua irma =)
eu n tnho irmaos =S mas gosto mt d ver a vossa cumplicidade :)

Posh Boy
www.poshworld.blogs.sapo.pt

Monika disse...

Oi linda. Já cá não vinha a algum tempo, pois os meus pais abriram um restaurante e eu tenho estado ocupada a fazer coisas no pc para lá. Mas já cá estou lol. Fico feliz por estares a conseguir concretizar todos os teus objectivos. Vai custar aos teus pais verem-te sair de casa, mas eles tambem já o fizeram e os tempos eram outros e por outro lado vão ficar felizes ao verem a filha feliz.
Adorei a "homenagem" que dedias-te á tua mana.

Beijocas e vai dando novidades!

Miguel disse...

Que Bela Homenagem ...!

Acho que ela já perdoou todas as desavenças ...!

Uma Boa Semana!
Bjks da M&M & Cª!

Patricia disse...

Isso é que é amor!
Eu que conheço as duas deixo aqui um beijo de boa sorte para as duas manas de messines!

Anónimo disse...

Um grande beijinho pr as minhas manas do coração. Vocês são o excelentes.
A dedicatória k fazes à tua mana é bem merecida...ela é o teu apoio e uma amiga dificil de encontrar outra igual...
um grande XI pr as duas

ana paula

maria-joão disse...

Ora pois estou então super esclarecida e... emocionada. Quem me dera que os meus meninos quando crescessem mantivessem entre eles um amor assim. Deixa feliz qualquer mãe... acho eu.